O comando “aqui” é dos mais importantes, e desde cedo é ensinado na Escola. Porém convém não transformar este, ou qualquer outro comando numa coisa má.
Se existe o hábito de soltar o cão no jardim e sempre que usamos o comando “aqui” é para o atrelar e afastar da diversão, rapidamente o cão vai associar o “aqui” em “acabou a brincadeira” e transformamos algo bom, em algo mau.

O comando “aqui” deve ser usado várias vezes, e sempre que o cão chega ao dono, interrompendo a sua caminhada, brincadeira, etc, tem a sua recompensa e é “liberto” novamente.

Esta é a base.

Daniel Gameiro